Federação Portuguesa de Motonautica

Aquabike quer conquistar a Pérola do Atlântico!

Aquabike quer conquistar a Pérola do Atlântico!


çA Ilha da Madeira vai receber no próximo verão uma prova integrada no Campeonato Nacional de Aquabike.

Será a primeira edição do Grande Prémio Cidade do Funchal, numa organização assumida pela Federação Portuguesa de Motonáutica, contando com o apoio do Município funchalense e das estruturas associativas regionais.

É o regresso da motonáutica, no seu mais alto nível nacional e internacional, ao Arquipélago da Madeira, fruto das relações estabelecidas entre as autoridades regionais e a nova direção da FPM.

Hoje de manhã, no Salão Nobre dos Paços do Concelho do Funchal, decorreu a apresentação da prova. Durante o ato, foi assinado o protocolo que oficializa e agiliza a organização do evento, pela Federação Portuguesa de Motonáutica e pela Câmara Municipal do Funchal, representadas pelos seus respectivos presidentes, Paulo Ferreira e Paulo Cafôfo.

Esta apresentação contou ainda com a presença de pilotos e agentes desportivos da modalidade, entre os quais, o atual campeão nacional de Endurance, Augusto Fernandes.

Na conferência de imprensa, Paulo Ferreira vincou a sua vontade de promover o regresso de uma prova de motonáutica à Região, 11 anos depois. Segundo Paulo Ferreira, o desejo foi partilhado pela autarquia, a quem agradeceu os esforços.

“O Funchal demonstrou o apreço que tem pela motonáutica”, sublinhou. “Disse que gostava de voltar a ter uma prova na Madeira, e o facto de estarmos de regresso devemos essencialmente à Câmara do Funchal.”

O presidente da Federação Portuguesa de Motonáutica deixou ainda a intenção de continuar a apostar na Região como ponto de passagem no mapa da modalidade. “Hoje damos o primeiro passo de muitos, que poderá culminar com a vinda de uma prova internacional, mas vamos começar pelos alicerces. Vamos começar pelo campeonato nacional, e pela formação”, salientou.

O Grande Prémio Cidade do Funchal decorrerá nos dias 31 de Agosto e 1 de Setembro.

O vasto programa competitivo incluiu treinos livres e mangas de corrida para os campeonatos de Circuito e de Endurance.

São esperadas várias dezenas de pilotos, nacionais e internacionais, distribuídos pelos dois campeonatos e pelas disciplinas de motas de água e de jetski.

A prova vai inserida numa semana com diversas atividades náuticas. Entre os parceiros estão a Ajet, o Marítimo e o Arca D’Ajuda.


Please follow and like us:

Deixe um comentário