Federação Portuguesa de Motonautica

Primeira prova de 2021 será em Vila Velha de Rodão

Ficou este sábado acordado, num almoço oferecido pela autarquia, que contou com a presença, entre outros, do presidente de Federação Portuguesa de Motonáutica, Paulo Ferreira, do vice-presidente, António Tunes, e do presidente da Câmara, Luís Pereira, que a primeira etapa do Mundial de Fórmula 2 de 2021 será disputada em Vila Velha de Ródão, muito provavelmente no mês de junho.

John Moore, o mais afamado jornalista especializado em motonáutica do mundo, aplaudiu a notícia e, levantando-se, pediu a palavra. “Muito obrigado por esta fantástica receção nesta pequena vila portuguesa. A hospitalidade dos portugueses é verdadeiramente tocante e quero dizer que, acompanhado esta modalidade, pelos quatro cantos do mundo, vai fazer 40 anos em 2021, esta é das mais espetaculares pistas que já vi. É realmente sensacional e saber que a F2 vai aqui voltar deixa-me extremamente satisfeito”, disse o inglês, aplaudido por todos os elementos da mesa e deixando Paulo Ferreira, António Tunes e, especialmente, Luís Pereira, notoriamente sensibilizados.

Luís Pereira personalidade do ano de 2020

António Tunes, vice-presidente da Federação Portuguesa de Motonáutica, personalidade da modalidade do ano em 2019 da Confederação do Desporto de Portugal, indicou este sábado Luís Pereira, presidente da Câmara de Vila Velha de Ródão, para o suceder. Apesar de ter sido lançado de surpresa, o repto de Tunes foi aceite de imediato pelo líder federativo Paulo Ferreira, pelo que é já garantido que Luís Pereira será a personalidade do ano de 2020 da motonáutica.

Assessoria de Imprensa da Federação Portuguesa de Motonáutica